DECLARAÇÃO

Antonio Negri e Michael Hardt

Publication Information / Informações da publicação

Title/ Título: Declaração Isto não é um manifesto/
Author / Autor: Antonio Negri e Michael Hardt
Tradução de Carlos Szlak
Year / Ano: 2014
Number of pages / Nº de páginas: 144
Edição em Português
Size / Dimensões: 120 x 170mm (paperback/brochura)
ISBN: 978-85-66943-09-2
Preço de capa: R$ 32,00
Título aplicado com stêncil e spray

No contexto da crise social e política corrente, como entender o ciclo de lutas que nasceu na Tunísia, floresceu nos países árabes, passou pela Europa, acampou em Wall Street e hoje toma conta das ruas 
brasileiras? O que exige a multidão? Quais as estratégias possíveis para criar novas formas de governar? Através da investigação das condições sociais e políticas em que essas lutas se originaram, os filósofos Antonio Negri e Michael Hardt atacam as quatro figuras subjetivas produzidas pela crise: o endividado, o mediatizado, o securitizado e o representado. Trata-se de um convite para que cada um se liberte daquilo que o mantém oprimido - seja a dívida, a mídia, o medo, ou a despotencialização política. O objetivo dessa declaração é simples: contribuir para a construção de uma sociedade mais horizontal, fundada naquilo que é comum.
 
 
Acreditando que somente um processo constituinte baseado no comum pode proporcionar uma alternativa real, consideramos que estas verdades dispensam explicações: de que todas as pessoas são iguais, de que adquiriram por meio da luta política certos direitos inalienáveis, de que, entre esses direitos, incluem-se a vida, a liberdade e a busca da felicidade, e também o acesso livre ao comum, a igualdade na distribuição da riqueza e a sustentabilidade do comum.
 
Michael Hardt e Antonio Negri
 
Back to Top